: A razão dos meus cabelos brancos...


Podem até não acreditar mas eu nunca precisei que alguém apontasse os meus erros. Sou a primeira a reparar neles - até mesmo quando mais ninguém os vê - e penso tanto sobre isso que acabo por perder o sono ou a vontade de fazer o que quer que seja. Sempre que cometo algum erro, seja no lado pessoal ou profissional, fico a pensar nisso durante dias a fio, a tentar arranjar explicações, a tentar calar as minhas paranóias. Se consigo sempre acalmar-me? Nem por isso. Há situações nas quais penso umas horas e depois não me lembro mais. No entanto há outras que me roubam anos de vida. Se eu fosse mais descontraída decerto não sofreria tanto. Mas também acho que não iria aprender tanto quanto já aprendi. Todos aqueles dias em que o meu coração esteve apertado arranjei soluções, reinventei-me. Fiz uma reciclagem de mim mesma. E, graças a isso, só cometo cada erro uma vez.

Comentários

  1. Temos de ter calma e pensar sempre antes de fazer as coisas :)

    ResponderEliminar
  2. Compreendo-te, porque me acontece o mesmo. Mas o essencial é assumir os erros e corrigir o que esteve na sua origem e não voltar a cometer o mesmo erro. :/

    ResponderEliminar
  3. Eu também sou assim, quando erro, fico a pensar imenso no assunto e a ''punir-me'' a mim mesma...

    Beijinho Cláudia

    ResponderEliminar
  4. Há dias em que também gostava de ser mais descontraída!

    ResponderEliminar
  5. Neste aspecto, sou muito parecida contigo!

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

À noite gosto de contar as estrelas que estão no céu e de ver por onde anda a Lua. E tu do que gostas?