: Como evitar gastos desnecessários , parte 1


Quando morava na casa dos meus pais, ainda sem o David, via a minha mãe a dar as contagens da água, da luz e do gás. Sabia o porquê de ela o fazer, visto que as estimativas feitas pelas empresas nunca são simpáticas para os consumidores, mas não tinha a noção de que um simples telefonema poderia fazer tanta diferença no valor de um pagamento. Quando comecei a pagar as contas em casa dos meus pais esforcei-me por dar sempre as contagens mas nos meses em que não as dava a diferença também não era muito substancial. Notava uma pequena diminuição no mês seguinte mas nada que me fizesse ficar de queixo caído. Talvez porque tantos anos de contagens, dadas em tempo real, tivessem feito as empresas responsáveis pelos serviços perceber a média verdadeira dos gastos.

Tudo mudou no dia em que vim para a minha casa. Não tendo nada a gás temi a chegada da primeira carta com o gasto de luz. Quando a abri fiquei sem reacção: a conta era de mais de 70€. Bolas, pensei eu, agora vai ser assim todos os meses. Paguei o que devia e disse a mim mesma que teria que dar a contagem nesse mês. Qual não foi o meu espanto quando no dia de dar a contagem, tirei os números do contador e ao comparar com a carta anterior vejo que o que me tinham cobrado era um valor super exagerado, visto que naquele mês ainda nem sequer tinha alcançado o número anteriormente estimado. Resultado, no mês seguinte não paguei conta da luz e no outro mês ainda tive um desconto de 1€ e uns trocos. Nunca me senti tão feliz por dar a contagem e finalmente percebi a necessidade de notificar as empresas dos nossos valores reais. No meu caso traduziu-se numa poupança de mais de 30€! Se vocês já pagam as vossas contas e não dão as contagens aconselho-vos, de coração, a começarem a fazê-lo. Provavelmente estarão a pagar mais do que o necessário e basta um telefonema mensal - que não se paga - para que paguem apenas o que gastam. O que me parece bem mais justo...

Comentários

  1. No caso da água ando um bocado baralhado porque os SMAS de Loures alteraram as datas de dar a contagem, mas à EDP mando sempre, entre 16 e 19 do mês de pagamento, uma vez que optei pelo pagamento bimensal.
    Epá, mas agora fiquei com uma dúvida. Se tu pagaste 70€ por 2 meses, ou por um.
    É que eu ainda tenho fogão a gás, mas o resto, incluindo o aquecimento de água, é tudo elétrico e no inverno pago entre 100€ e 115€ de dois em dois meses...
    No verão baixa para a casa dos 90€.
    Optei pelo termoacumulador porque com o esquentador de 11 litros a água mal chegava morna à casa de banho e gastava duas botijas por mês. Assim tenho sempre água bem quente com o caudal máximo e a botija só para o fogão, passou a durar 4 meses, em média. No ano passado não cheguei a gastar 4 botijas...

    ResponderEliminar
  2. Meu deus! Que diferença!! Cá em casa a minha mãe anda sempre de olho nas contagens!

    ResponderEliminar
  3. Adorei a dica! Confesso que aqui esta precisando de um controle!

    Beijos e obrigada por compartilha esse artigo maravilhoso.

    ResponderEliminar
  4. A minha mãe dá sempre a contagem por causa disso, principalmente da luz! Somos duas em casa e havia meses a pagarmos 100€, o que é um absurdo...

    ResponderEliminar
  5. É sempre bom ficar de olho nessas coisas, fiquei surpresa com a diferença que faz
    Tenha um bom fim de semana ♡

    ResponderEliminar
  6. Embora eles depois devolvam o dinheiro pago a mais quando vão contar, também mando a contagem todos os meses de forma a não pagar valores desnecessários...

    ResponderEliminar
  7. R: Olha eu tenho o termoacumulador ligado a um programador igual a este com dois períodos de meias horas (das 16 às 16:30 e das 4 às 4:30) e volta a ligar entre as 7 horas e as 9:30 (por causa dos banhos). A água mantém-se sempre quente e não há necessidade de o manter ligado dia e noite.

    ResponderEliminar
  8. Obrigada pelo conselho. Quando precisar, não me vou esquecer.

    ResponderEliminar
  9. O meu pai também liga sempre! De facto, é um pequeno gesto que pode fazer toda a diferença

    ResponderEliminar
  10. Sei bem o que isso é, pago quase todos os meses valores de 50€, valor que eu não consumo.
    No entanto, quando fizeram o acerto não pagamos nada e ainda tínhamos a descontar 7€ na fatura seguinte.

    ResponderEliminar
  11. Bem, que enorme diferença! Eu por acaso já tinha ouvido falar nas contagens que fazem uma grande diferença mas nunca o fiz. Aliás, chegamos a fazer nos primeiros meses quando víviamos em Ribamar, agora aqui já não fazemos, porque supostamente há alguém responsável que o faz todos os meses!

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

À noite gosto de contar as estrelas que estão no céu e de ver por onde anda a Lua. E tu do que gostas?