: Pulmões de amor.


Nunca pensei que poderia respirar amor. Que poderia sentir esta leveza na alma; no coração; no corpo. Os dias parecem correr ao ritmo da minha dança e até o sol conspira a meu favor. Sinto-me completa, feita de partes que nem imaginava que tinha. Aprecio todos os pormenores de uma primavera em flor, de um verão que tem pressa de chegar. Respiro natureza, sentimentos bons, felicidade. Não há espaço para nada negativo no meu coração: tranquei a porta à tristeza. Abro as cortinas de minha casa e um vento fresco brinca com os meus cabelos. A felicidade é tão simples. 

#off the records
#histórias de bolso

Comentários

  1. Que texto tão bonito, e que bom estado de alma :)
    Beijinho

    ResponderEliminar
  2. Maravilhoso! Uma verdadeira lufada de ar fresco.
    Adorei, minha querida *.*

    r: Espero que gostes :)

    ResponderEliminar
  3. Adorei ler este texto. É um pouco como me tenho sentido nos últimos meses.

    ResponderEliminar
  4. Acredito mesmo que a felicidade é muito simples!
    O texto deixou-me com um sorriso =)

    ResponderEliminar
  5. Que a tristeza nunca bata à tua porta!

    Isabel Sá
    Brilhos da Moda

    ResponderEliminar
  6. Que palavras tão bonitas e que sensação tão especial! Que assim possas permanecer sempre :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

À noite gosto de contar as estrelas que estão no céu e de ver por onde anda a Lua. E tu do que gostas?